Movimentos sociais lançam abaixo-assinado em apoio a Manuela d’Ávila

Nesta terça-feira (8), um conjunto de entidades dos movimentos sociais e da mídia alternativa lançou um abaixo-assinado em apoio à ex-deputada Manuela d’Ávila, por justiça e contra a violência política de gênero, em resposta aos ataques e ameaças que Manuela e sua filha sofreram recentemente.

Até o momento, a campanha já tem o apoio da UBM, Confederação das Mulheres do Brasil, UJS, JPL, Unegro, CTB, CGTB, Conam, UNA LGBT, Mães na Luta, Esporte pela Democracia, Portal Vermelho, Mídia Ninja, Grupo Prerrogativas, Vote Nelas e @342Artes.

“Há muito tempo, Manuela é alvo de violência política de gênero, em especial a partir das eleições presidenciais de 2018, quando foi candidata a vice-presidente da República, e mais recentemente, em 2020, foi ao segundo turno na disputa à prefeitura de Porto Alegre, Manuela tem sido vítima do gabinete do ódio e da intolerância, e alvejada por milhares de notícias falsas – fake news”, explica o texto do abaixo-assinado.

Agora, continua o manifesto, “para além de uma avalanche de mentiras, criminosos chegaram ao requinte da crueldade, mirando com ameaças uma criança. Esse ataque criminoso e sistemático contra Manuela não é um fato isolado. Ele faz parte dos métodos e da conduta do bolsonarismo de naturalizar a violência na vida social e política, de destruir a política feita com ideias e honradez e, também, de incentivar e acobertar a misoginia, o racismo e a homofobia”.

Por fim, o abaixo-assinado declara: “Manuela não está sozinha! Sua força e sua luta nos inspiram. Estamos com ela até o fim, na luta por justiça até que os criminosos sejam investigados e punidos”.

Nos últimos dias, uma ampla rede foi se formando dentro e fora das redes sociais, envolvendo personalidades e lideranças sociais, religiosas, da política, da cultura, do mundo artístico, pessoas comuns, partidos, entidades sindicais e dos movimentos sociais. Em comum a todos, a manifestação de apoio e solidariedade a Manuela e sua família; de repúdio e indignação frente às ameaças e o pedido de justiça contra os criminosos.

Para aderir ao abaixo-assinado, clique aqui.

 

Leia também:

Jandira Feghali: Precisamos falar sobre Manuela

Entidades sindicais prestam solidariedade a Manuela d’Ávila

Padre Julio Lancellotti faz saudação à Manuela em missa deste domingo

Luciano Rezende: Manuela d’Ávila e as bestas míticas

Lideranças do PCdoB rechaçam criminosos e reafirmam apoio a Manuela

PCdoB: Solidariedade à Manuela, punição aos criminoso

PCdoB RS repudia toda violência sentida por Manuela e sua filha

Fórum das Mulheres do PCdoB manifesta solidariedade à Manuela d’Ávila 

Cresce nas redes apoio e solidariedade à Manuela d’Ávila

 

Por Priscila Lobregatte