Mulheres do PCdoB se solidarizam com Dani Calabresa

Mulheres do PCdoB se posicionam contra assédio

Foto: montagem/reprodução

Lideranças femininas do PCdoB usaram suas redes sociais nessa sexta-feira (4) para se solidarizar com a atriz Dani Calabresa e se posicionar contra o assédio sexual que ela sofreu de seu chefe na Globo, o humorista Marcius Melhem. Matéria da revista Piauí narra diversos episódios de assédio vivenciada por ela e outras colegas e mostra a falta de ações efetivas por parte da emissora para enfrentar a situação.

“Nossa solidariedade à atriz Dani Calabresa e a todas as mulheres vítimas de violência no nosso país. Estamos na campanha mundial dos ‘21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres’ para reforçar a luta pela erradicação desse tipo de crime e pela garantia dos direitos das mulheres. Rebele-se contra todo tipo de agressão!”, disse a deputada federal Alice Portugal (PCdoB-BA).

A deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ), também falou sobre o assunto: “Uma reportagem minuciosa e muito bem apurada pela Piauí sobre denúncias de assédio de Marcius Melhem. Estamos nos 21 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher, o que torna sua leitura ainda mais obrigatória”.

A jornalista e ex-deputada Manuela d’Ávila colocou: “A coragem da Dani Calabresa em denunciar o assédio que sofreu, fez com que outras vítimas aparecessem. Minha solidariedade a ela e a todas que passaram o mesmo. Que a justiça seja feita. Por um mundo em que as mulheres sejam livres de todas as violências”.

Por Priscila Lobregatte