Renildo defende unir forças populares e progressistas para mudar país

Foto: Paulo Sergio/Câmara dos Deputados

O líder do PCdoB na Câmara, deputado federal Renildo Calheiros (PE), se manifestou, pelas redes sociais, sobre a resolução do Comitê Central que aponta para a conclusão da formação de federação com PT, PSB e PV, com a possibilidade de ampliar para outras legendas do campo progressista e de esquerda.

“Agora é oficial, PCdoB aprova no Comitê Central, por unanimidade,

formar a Federação PCdoB – PT- PSB – PV, deixando a porta aberta para outros partidos de matriz popular”, declarou Renildo neste sábado (12).

Ele destacou ainda que “a coisa mais importante que o Brasil tem a fazer agora é impor uma derrota fragorosa a Bolsonaro. Também é preciso juntar as pessoas de pensamentos progressistas para iniciarmos um novo ciclo de desenvolvimento no Brasil, para que o povo brasileiro tenha trabalho, educação de qualidade, o SUS fortalecido, valorização salarial, respeito e uma vida melhor. Vamos à luta!”.

Em reunião ocorrida na sexta-feira (11) e sábado (12), o Comitê Central do PCdoB emitiu resolução, intitulada “Avançar na conclusão da Federação PT, PCdoB, PSB e PV”, na qual coloca: “o PCdoB está empenhado na construção de uma Federação de partidos que agregue legendas do campo progressista e de esquerda, que venha a se configurar na mais ampla unidade popular”.

O documento continua salientando que a federação deve ser a “mola propulsora da vitória nas eleições de outubro e do processo de reconstrução do Brasil. Uma Federação que eleja, no Congresso Nacional e nas Assembleias Legislativas, fortes bancadas progressistas, bem como um significativo número de governadores. Uma Federação que seja um núcleo para unir amplas forças imprescindíveis à vitória e à governabilidade e promover as grandes transformações que o país necessita”.

Leia aqui a resolução sobre as federações.

Acesse aqui todas as resoluções emitidas pelo Comitê Central em sua mais recente reunião.

Por Priscila Lobregatte