Partido Verde aprova criação da Federação Partidária com PCdoB e PT

Em reunião deliberativa convocada pela Executiva Nacional do Partido Verde nesta quarta-feira (13), na sede nacional e também de forma virtual, os membros do diretório nacional aprovaram, por maioria absoluta, a criação da Federação Partidária com o Partido Comunista do Brasil (PCdoB) e o Partido dos Trabalhadores (PT).

Segundo informou o PV, votaram mais de 80 membros do diretório nacional do partido, representando todos os estados da unidade federativa brasileira. “Com a anuência dos membros do diretório, o presidente Luiz José Penna, segue com as articulações com os outros partidos para formalizar a criação da agremiação de partidos”, diz comunicado à imprensa divulgado pela legenda logo após a reunião.

O PV informou ainda que, nos próximos dias, os partidos deverão formalizar junto ao TSE sua criação e apresentar o estatuto e programa que nortearão o funcionamento da Federação. Será marcado, ainda, um ato para oficializar a aliança entre as legendas.

As federações foram instituídas pela Lei nº 14.208/21, que alterou a Lei dos Partidos Políticos (Lei nº 9.096/95) e a Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97). A federação partidária, que tem abrangência nacional, é formada por dois ou mais partidos políticos com afinidade programática que se unem para atuar como uma só legenda por, no mínimo, quatro anos – preservando-se, no entanto, a autonomia de cada partido que a integra.