Movimento 65: PCdoB Maceió avança no projeto eleitoral para 2020

Cícero Filho, pré-candidato a prefeito: "Movimento 65 tem espaço pra todos todas que queiram melhorar a cidade, inclusive se candidatando"

Foto: divulgação

Maceió é uma das 16 capitais brasileiras em que o PCdoB já apresentou pré-candidatura para a prefeitura: o jornalista e oficial de justiça Cícero Filho. Na capital de Alagoas, o crescimento do Movimento 65 está reforçando o projeto eleitoral, informa o presidente estadual do PCdoB, Lindinaldo Freitas.

“Nosso pré-candidato à prefeitura, Cícero Filho, tem buscado ampliar o movimento e construir um projeto alternativo para Maceió.”

Ele explicou que com o Movimento 65, a chapa própria para vereadores – a partir deste ano, as coligações estão proibidas – cresceu muito.

“Estamos trabalhando com a possibilidade real de conquistar duas cadeiras na Câmara, com um grupo de candidaturas populares, pessoas comprometidas com o povo, que querem fazer de Maceió uma cidade mais justa”, assegura o presidente.

Na opinião do pré-candidato a prefeito, Cícero Filho, a proposta do movimento tem tido muita aceitação.

“Acredito que o que está em curso é algo que fará história em nossa cidade, um projeto construído por pessoas do povo, com objetivos e causas nobres e que com certeza irá se refletir na eleição”, afirma.

Ainda segundo Cícero Filho, o foco do movimento “é ser um espaço em que todos e todas que queiram ajudar a melhorar a cidade, a fazer de Maceió uma cidade com menos desigualdade, com serviços públicos eficientes e descentes, possam participar, inclusive se candidatando nas eleições”.

Programa de governo para Maceió

Além das inúmeras reuniões [FOTOS] para construção da chapa de vereadores e de organização da pré-campanha, Cícero Filho revela que o Movimento 65 está se dedicando na construção de um programa de governo para transformar a realidade de Maceió.

“Nós não queremos fazer mais do mesmo. Estamos nos reunindo e discutindo com especialistas, estudiosos e pesquisadores, para traçar um programa de governo que possa inovar a partir de soluções práticas para problemas complexos que precisam ser enfrentados”, assegura.

Cícero defende ainda que o foco do programa será a redução das desigualdades: “É preciso buscar caminhos para garantir dignidade para as pessoas. Precisamos enxergar os outros como seres humanos, independente de onde moram ou da condição social. Não há como termos dignidade sem oferecer uma infraestrutura, transporte e serviços públicos decentes para todos”.

“Nós estamos nessa jornada e queremos contar com todos que queiram se somar, nosso inimigo é apenas um: a desigualdade que exclui tantos! Precisamos mudar nossa cidade verdadeiramente, por isso o Movimento 65 está de portas abertas para quem deseja participar”, convidou Cícero Filho.

Os organizadores do Movimento 65 estão apostando no mês de março para alcançar um crescimento ainda maior. Serão realizadas reuniões abertas para quem deseja se candidatar durante todos os sábados.

Para saber mais e fazer parte do Movimento 65, que se articula em todo o país, conheça acesse o site www.movimento65.org.br