Metalúrgicos SP: nota de pesar pelo falecimento de Vital Nolasco

Vital Nolasco

Arquivo CMS

O  Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes emitiu nota de pesar através de seu presidente, Miguel Torres, pelo falecimento do líder operário e ex-vereador de São Paulo, Vital Nolasco, militante histórico do PCdoB, que morreu nesta quarta-feira (19), aos 75 anos. Vital estava internado na UTI do Hospital Samaritano, na capital paulista, para tratar uma fibrose pulmonar crônica, mas não resistiu às complicações da doença.

Na nota, Miguel Torres descreve Vital como “uma pessoa digna, que lutou pela categoria metalúrgica, pela classe trabalhadora e pela causas democráticas e sociais.”

Leia a íntegra: 

“É com pesar que comunicamos o falecimento nesta quarta-feira, 19 de janeiro de 2022, aos 75 anos, do companheiro Vital Nolasco, operário aposentado, diretor do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo no período 1984-1987, vereador por dois mandatos (1989-1996) e militante político do PCdoB.

É de sua autoria como vereador, por exemplo, a lei que criou o “passe livre” para trabalhadores desempregados.

Nossos profundos sentimentos à família e aos amigos do companheiro Vital Nolasco que ficará para sempre na memória de todos como uma liderança histórica, uma pessoa digna, que lutou pela categoria metalúrgica, pela classe trabalhadora e pela causas democráticas e sociais.

Vital Nolasco, presente!

Miguel Torres
Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes, da CNTM e da Força Sindical, e diretorias.

Vital Nolasco será velado nesta quarta, das 10h às 14h, na sede do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo, no bairro da Liberdade, Rua Galvão Bueno, 782.

A seu pedido, o corpo será cremado. Local: Crematório Valle dos Reis. Taboão da Serra, às 16 horas.

__
Com informações do  Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes