Manuela d'Ávila é a vice mais popular nas redes, aponta FGV

Manuela d’Ávila (PCdoB) é a candidata a vice-presidente mais popular nas redes sociais, segundo um levantamento feito pela Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getúlio Vargas (FGV-Dapp).

A pesquisa registrou entre 11 e 20 de setembro, 826,4 mil menções aos postulantes a vice das cinco chapas mais bem colocadas nas pesquisas de intenção de votos no Twitter. Manuela lidera as menções na rede com quase a metade, 399 mil referências.

Em segundo lugar no ranking, com 339,4 mil referências, está o general Hamilton Mourão, da chapa de Jair Bolsonaro (PSL). Os demais são Kátia Abreu, candidata a vice de Ciro Gomes (PDT), com 77,6 mil menções; Ana Amélia, que concorre a vice de Geraldo Alckmin (PSDB), com 23,8 mil menções; e Eduardo Jorge, na chapa de Marina Silva (Rede), com 20 mil menções.

Reportagem do Portal Vermelho, indica que a comunicação objetiva e franca transformou a página da Manuela em um diferencial na campanha tradicional brasileira.

Manuela defende enfaticamente bandeiras importantíssimas, como os direitos da mulher, da população LGBT e da juventude e a luta por uma sociedade diversa e mais justa socialmente.

Formada em jornalismo, Manuela iniciou sua militância política no movimento estudantil, sendo filiada à União da Juventude Socialista, e depois ingressou na vida partidária. Foi eleita vereadora, duas vezes deputada federal, deputada estadual, além de ter concorrido duas vezes à prefeitura de Porto Alegre.

Com o avanço da luta da mulher, Manuela encarna as aspirações de um eleitorado que é maioria entre os brasileiros e anseia por visibilidade e plena participação política nas decisões dos rumos do país. Dos 147,3 milhões de eleitores aptos a votar, 52,5% são mulheres e 47,5% são homens.

Segundo o historiador Américo Freire, da Fundação Getúlio Vargas no Rio de Janeiro (FGV), “Manuela, assim como Haddad, têm uma identidade política parecida, com um perfil mais voltado à negociação. Tanto é que ela abriu mão de sua candidatura em prol de Haddad. Juntos, eles compõem uma chapa de esquerda que deve ter como plano estratégico chegar à centro-esquerda no segundo turno”.

Conheça o trabalho de Manuela d’Ávila, vice na chapa de Fernando Haddad, através das suas redes sociais: Facebook, Twitter e Instagram.