Jandira Feghali pede justiça e proteção contra feminicídios

A deputada federal do PCdoB, Jandira Feghali (RJ), falou, nesta segunda-feira (11), em suas redes sociais, sobre a violência contra a mulher e os feminicídios.

“Em todo o Brasil mulheres são vitimas de um crime bárbaro pelo simples fato de serem mulheres. Enquanto prevalecer a lógica machista essa avalanche persistirá. Justiça para as mulheres vítimas. Proteção para as que estão ameaçadas. Igualdade para por fim a esse tipo de crime”, disse.

A postagem da parlamentar fazia referência a mais um caso de feminicídio ocorrido no Distrito Federal e noticiado no último domingo: Isabel Alves, mãe de três filhos, foi morta com uma facada pelo marido Marcos Pereira.

Casos como este revelam o machismo estrutural e a falta de políticas públicas focadas na superação da violência de gênero. Durante o feriado de Natal, foram noticiados ao menos seis assassinatos de mulheres por companheiros ou ex-companheiros. Somente no primeiro semestre de 2020, o número de feminicídios no país cresceu 2%, num total de 648 casos, de acordo com dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública.

Por Priscila Lobregatte