Dirigentes do PCdoB acompanham investigação de liderança assassinada

Líderes do PCdoB estiveram com autoridades da área de segurança para acompanhar as investigações do assassinato de líder rural e partidário

Foto: divulgação

A ex-senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e o presidente estadual do PCdoB no Mato Grosso, Sergio Negri, junto a outros secretários da legenda, participaram de uma reunião com o secretário de segurança de Rondonópolis, Valdemir Castilho, e o delegado de Jaciara, Sidarta Vidigal de Almeida, para acompanhar as investigações do assassinato de Afonso João da Silva, que era presidente do partido em Jaciara e líder pela reforma agrária.

Segundo Vanessa, a polícia informou que as investigações apontam que o crime não ocorreu por motivação política. “Possivelmente ele foi morto por ações de marginais – um grupo de traficantes e ladrões que estavam vivendo no acampamento, e que ele teria denunciado a fim de garantir a segurança da população assentada”, reportou a ex-senadora, que disse que a polícia militar também ajuda nas investigações.

Prefeito de Rondonópolis, José Carlos Siqueira, o Zé Carlos do Pátio (SD) também tem se empenhado para que as investigações cheguem a bom termo e se encontrou com os líderes do PCdoB [foto ao lado]. Afonso foi assessor de Zé Carlos anos atrás, quando este era deputado. O prefeito, que também é presidente do Solidariedade em Mato Grosso, entregou uma carta aos líderes do PCdoB [foto abaixo] em que a legenda dela exige investigação pelo crime e apoia a causa dos trabalhadores rurais pela qual Afonso lutou por décadas.

Zé do Pátio está organizando um ato público em homenagem à Afonso, e para pressionar a continuidade da investigação, para o dia 14 de março, quando se completa um mês do assassinato.

Crime

Afonso foi assassinado no dia 14 de fevereiro, na cozinha de casa, com tiros disparados pela janela, enquanto tomava café, no Acampamento União da Vitória, que ocupa terras da falida Usina Pantanal, onde vivia com a família.

O lutador do campo Afonso João da Silva deixa esposa e cinco filhos: dois adultos e três crianças pequenas. Presidente do PCdoB em Jaciara, cidade a 130km de Cuiabá, Afonso foi candidato a vereador pelo partido nas eleições de 2016.