Orlando: Brasil é motivo de vexame internacional graças a Temer

Foto: Richard Silva/PCdoB na Câmara

O líder do PCdoB na Câmara, deputado Orlando Silva (SP), afirmou que a reforma Trabalhista do governo Temer fez com que o Brasil fosse incluído na “lista suja” da Organização Internacional do Trabalho (OIT). O país está entre as 24 nações acusadas de descumprir normas internacionais de proteção dos trabalhadores. Para Orlando, o Brasil está sem respaldo internacional, correndo risco de ser caracterizado como um lugar no qual o trabalho não é respeitado. “Isso pode trazer, inclusive, consequências econômicas”.

Orlando enfatizou que a reforma Trabalhista gerou mais desemprego, trabalho informal e precário. “Era tudo o que nós denunciávamos”, frisou.

O governo brasileiro tem até novembro deste ano para explicar para a OIT sobre a reforma Trabalhista.

“O Brasil nos últimos anos tinha se caracterizado como um país comprometido com o emprego decente e com o combate ao trabalho infantil e trabalho escravo. Um país que crescia a formalização do trabalho e a garantia dos direitos. Um país que era respeitado internacionalmente, mas com o governo Temer viramos motivo de chacota internacional”.

Ouça na íntegra o deputado Orlando Silva: