Fundação Mauricio Grabois realiza colóquios para debater novo ciclo

Diante do novo ciclo civilizatório iniciado no Brasil após a vitória de um governo conservador, ultraliberal e antipopular, a Fundação Maurício Grabois realiza, desde o início do ano, na sede do PCdoB, em São Paulo, uma série de ciclos onde são convidados especialistas e estudiosos nas mais diversas áreas para debater temas pertinentes da economia, da política e do social.

Foram realizados três colóquios de maio até julho deste ano. No dia 8 de maio, a Fundação Maurício Grabois realizou o colóquio para aprofundar o debate sobre o pacote anticrime apresentado pelo Ministro da Justiça, Sérgio Moro. Para apresentar os pontos mais controversos da proposta, foi convidado o advogado e professor de direito penal Humberto Fabretti.

Leia mais:

Em colóquio da FMG, especialista aponta inconstitucionalidades do Pacote Anticrime

Em 23 de julho, especialistas em economia explicaram porque o capitalismo ainda não superou a crise de 2008.  Diante da indagação: “A grande crise de 2008 foi superada?”, os estudiosos Nilson Araújo, Renildo Souza, Lécio Morais e A. Sérgio Barroso responderam:

Barroso: monstrengo financeiro continua engordando com papéis podres

Lécio: fim da crise depende de solução para endividamento dos EUA

No dia 24 de maio, o tema foi a Teoria da Moeda Moderna com a participação da professora e coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências Econômicas do Instituto de Economia da Unicamp, Simone Deos, que deu uma aula sobre moeda e política fiscal.

Leia mais: