Bolsonaro não está derrotado, diz Bruna Brelaz

Apesar de sua alta rejeição, o presidente Jair Bolsonaro pode vencer as eleições 2022. A opinião é da presidente da UNE (União Nacional dos Estudantes), Bruna Brelaz. Em entrevista ao Poder360, ela diz que “se ilude” e “se equivoca” quem pensa que Bolsonaro já está derrotado em 2022.

“Não compactuamos com esse tipo de pensamento, pois Bolsonaro, ainda assim, mantém uma base muito forte e mobilizada em defesa de seu nome e de seu projeto”, afirma Bruna, que é estudante da Faculdade Autônoma de Direito de São Paulo.

Segundo ela, o processo eleitoral de 2022 será a única via para articular o “Fora, Bolsonaro”. A estudante, que assumiu a presidência da UNE em julho de 2021, afirmou que “o grande problema que o Brasil enfrenta é o ataque à democracia”.

“Neste momento em que há uma fragilidade, onde se posiciona no governo federal um presidente que não tem nenhum tipo de compromisso democrático com a Constituição e com a democracia, deveria ser algo natural, ou pelo menos nós tentamos construir para que seja natural, a união de todos esses setores”, diz.

Por isso, a presidente da UNE afirma que, apesar da entidade não ser um “partido político”, existe “disposição de dialogar” de forma pluripartidária e “com muita responsabilidade”.

Com informações do Poder360