Altamiro Borges: Petardos: Queda da indústria apavora a mídia

Após criar uma falsa onda de otimismo econômico no final de 2019 – o que inclusive conteve a rejeição do “capetão” nas pesquisas –, a mídia rentista agora destaca os sinais negativos. O jornal Valor estampa no título: “Indústria confirma fraqueza e fecha 2019 com queda de 1,1%”.

Por Altamiro Borges*

***

Em outra matéria, o mesmo jornal – que é dedicado à cloaca burguesa – soa o alarme: “Investimento deve cair 2% no 4º tri, diz Itaú”. “Forte queda da produção de bens de capital em dezembro indica recuo da formação bruta de capital fixo nos três últimos meses de 2019”, diz o Valor.

***

Na Folha, Armando Castelar, coordenador de Economia Aplicada do Ibre/FGV, afirma que queda de 1,1% “foi ducha de água fria para quem espera para 2020 uma retomada mais forte da economia… A produção industrial ficou 15% abaixo do patamar de antes da recessão de 2014-16”.

***

Já O Globo, outro que alardeava otimismo com a agenda ultraneoliberal do governo fascista, está temeroso. “Depois de ensaiar uma recuperação por dois anos consecutivos, a indústria brasileira fechou 2019 com queda de 1,1%, segundo o IBGE. Trata-se do pior resultado desde 2016”

***

Segundo “analistas do mercado” ouvidos pelo O Globo, “o desempenho da indústria como um todo ficou abaixo das expectativas, mesmo considerando a ocorrência de fatores não planejados. Das 24 atividades pesquisadas pelo IBGE, 16 tiveram queda no ano, indicando retração disseminada”.

***

Meio a contragosto, o demoníaco O Globo registra: “A 10ª Vara Federal de Brasília está avaliando uma nova data para o depoimento do ex-presidente Lula em uma das ações da Operação Zelotes. O motivo é o encontro que Lula terá na próxima semana com o Papa Francisco, no Vaticano”.

***

Ainda segundo o jornalão, “a audiência com o Papa foi intermediada pelo presidente da Argentina, Alberto Fernández… A defesa informou à Justiça que Lula realizará viagem ao Vaticano, ‘onde será recebido em audiência por Sua Santidade, o Papa Francisco, em 13 de fevereiro”.

***

Do Painel da Folha: “Senadora Juíza Selma Arruda (Pode-MT), conhecida como ‘Moro de saia’, disse que usou dinheiro público em janeiro para despesas de seu gabinete, mesmo após ter tido o mandato cassado”. O “marreco de Maringá” e o “ético” Alvaro Dias não vão criticar o absurdo?

***

Ives Gandra Martins, o seguidor da seita fascista Opus Dei que é ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), concedeu liminar à Petrobras exigindo que 90% dos petroleiros sigam operando. O objetivo é esvaziar a greve da categoria, que prossegue contra a demissão de mil trabalhadores.

***

Já o Dataprev – estatal responsável pelo processamento do pagamento de benefícios do INSS – suspendeu por 30 dias o plano de demissão dos funcionários, cedendo à principal reivindicação da greve da categoria – iniciada em 30 de janeiro. Segue, porém, a mobilização contra o facão!

__
Altamiro Borges* é jornalista e presidente do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé e membro do Comitê Central do PCdoB.

 

As opiniões aqui expostas não refletem necessariamente a opinião do Portal PCdoB