Torcida Jovem do Santos não aprova ida de Bolsonaro ao clássico

Foto Reprodução

A anunciada presença de Jair Bolsonaro na Vila Belmiro neste sábado, 16, causou revolta entre os torcedores do Santos. A Torcida Jovem, escreveu uma nota de repúdio à participação de Bolsonaro no clássico contra o São Paulo, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.
De acordo com o comunicado, os posicionamentos ideológicos do atual presidente são “incompatíveis com a pluralidade social, racial, étnica e cultural da torcida santista e de toda a história de luta da Torcida Jovem contra a ditadura militar”, defendida pelo político.
Os santistas ressaltaram também o caráter demagógico de Bolsonaro. Eles lembram que Bolsonaro torce para o Palmeiras, o que torna sua presença ainda mais desnecessária.
Bolsonaro tem tentado parasitar times de futebol e chegou a usar a camisa do Flamengo para presentear o presidente chinês, Xi Jinping, mas foi desautorizado pela diretoria do clube.
Bolsonaro tentou a comparecer a algumas partidas, até que começou a levar vaias estrondosas nos estádios e teve que parar de comparecer aos jogos.
Confira a nota da Torcida Jovem do Santos na íntegra:
“À Presidência,
O G.R.C.E.S. TORCIDA DO JOVEM DO SANTOS recebeu com total descontentamento a informação de que Jair Bolsonaro estará na Vila Belmiro no próximo sábado (16), acompanhando o jogo do Santos.
Repudiamos o palanque político que essa visita significa e reforçamos que os posicionamentos ideológicos de Bolsonaro são incompatíveis com a pluralidade social, racial, étnica e cultural da torcida santista e de toda a história de luta da TORCIDA JOVEM contra a ditadura militar, enaltecida por esse político.
Além disso, Bolsonaro torce para um time rival da capital, tornando sua presença no estádio ainda mais desnecessária.”