15º Congresso: PCdoB-Florianópolis realiza conferência e elege direção

O PCdoB de Florianópolis realizou, no sábado (18), sua conferência municipal, no âmbito das atividades relativas ao 15º Congresso do partido. O encontro foi feito de maneira híbrida, com parte dos militantes comparecendo presencialmente no auditório do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Estadual de Santa Catarina (Sintespe), no Centro de Florianópolis, e outra parte, de maneira virtual.

A abertura solene contou com a participação de representantes de partidos da capital catarinense: Eliane Schmit, presidenta municipal do PT; Rebecca Neto Pereira, presidenta municipal do PSOL; Maurício Conti, presidente municipal do PDT; Homero Gomes, presidente municipal do PSB; João de Deus, presidente municipal da Rede Sustentabilidade; Leandro Moraes Vidal, presidente municipal do UCB; Márcio Cabrera do Comitê Central do PCdoB; e Douglas Matos, presidente estadual do PCdoB de Santa Catarina.

A presidenta do PCdoB de Florianópolis, Anderlize Abreu, conduziu a atividade: “É um momento especial para o nosso partido. Tomamos as ruas pelo Fora Bolsonaro, exigimos vacinas, pão, emprego e auxílio emergencial”. Ela se emocionou ao prestigiar o exemplo de militância de Raquel Ghizoni, militante de 80 anos de idade que faz questão de militar intensamente nas atividades partidárias: “É motivo de muito orgulho ter a Raquel sempre disposta a travar a luta, mesmo com todos os desafios, ela é um exemplo em quem devemos nos inspirar”.

A vice-presidenta do PCdoB de Florianópolis, Janaina Deitos, destacou a necessidade da frente ampla e democrática: “Os comunistas têm o papel de clarear o caminho da luta. De reunir e guiar as demais forças políticas para combater o inimigo comum que hoje é o governo facista de Bolsonaro”.

O encontro foi a etapa final de uma série de atividades prévias. Foram cinco pré-conferências, uma plenária de mobilização, uma reunião de direção ampliada e ao menos cinco encontros da executiva municipal. Mais de uma centena de pessoas participaram das atividades.

O secretário municipal de Organização do PCdoB, Ronald dos Santos, coordenou os debates que giraram em torno dos documentos preparatórios ao 15º Congresso do PCdoB e do documento-base da Convenção Municipal de Florianópolis. Conjuntura nacional, fora Bolsonaro, economia, emprego, restrição dos direitos sociais e trabalhistas, cláusula de barreira e revigoração do partido foram os pontos mais discutidos.

Foram eleitos 23 membros para a direção municipal e 30 delegados à convenção estadual do PCdoB de Santa Catarina, marcada para o dia 25. A executiva municipal para o biênio 2021-23 será eleita na reunião da direção municipal. Ao final, os militantes vibraram e entoaram palavras de ordem: “Um, dois, três, quatro, cinco, mil e viva o Partido Comunista do Brasil”.

 

Por Werner Franco

(PL)