Garantir a mobilização das bases para o sucesso do 10º Congresso

Resolução da Comissão Política do Comitê Central

A Comissão Política reunida dia 3 de setembro procedeu a um balanço da atividade partidária de preparação do 10º Congresso tendo constatado que, de uma maneira geral, o esforço até aqui feito pelas direções estaduais ainda é insuficiente para garantir que as bases partidárias se incorporem amplamente no processo de discussão das Teses apresentada pelo Comitê Central.

Na prática cotidiana continuam a se manifestar dificuldades na articulação da preparação do congresso, com as atividades políticas - institucionais e de massas. Esse problema tem origem muitas vezes na insuficiente compreensão da importância do conjunto das tarefas e de sua interdependência.

Sendo assim, a Comissão Política conclama a todo o Partido, em especial os quadros dirigentes, para que redobrem as ações concretas de preparação do 10º Congresso - quando faltam apenas 3 meses para a realização de sua plenária final - com a visão de que esse é o momento mais alto da vida partidária, quando se discutem a linha e as orientações do Partido, quando se elegem todas as suas direções, desde as OBs até o Comitê Central, quando as direções prestam contas de todo o trabalho desde o congresso anterior, quando se procede ao recadastramento de toda a militância.

Pelos temas a que se propôs tratar, pela repercussão política que pode atingir, a realização vitoriosa do 10º Congresso do Partido Comunista do Brasil poderá representar sem dúvida passo destacado na luta do povo brasileiro, por um novo rumo de desenvolvimento soberano e de democracia para o Brasil, onde os direitos dos trabalhadores sejam respeitados e que, por esse caminho possa alcançar o socialismo.

A Comissão Política Nacional do Comitê Central

São Paulo, 03 de setembro de 2001