Apresentação: 3ª Conferência Nacional sobre a Emancipação das Mulheres

Documento assinado pela Presidenta do PCdoB, Luciana Santos e pela Secretária Nacional da Mulher do PCdoB, Angela Albino

Camaradas!

Conforme dispõe o art. 53 do estatuto partidário, a luta contra a discriminação das mulheres tem prioridade na atuação do PCdoB e em sua vida interna.

Assim, em cumprimento ao estabelecido no art. 54 de nosso estatuto, o Comitê Central do PCdoB aprovou a convocação da 3ª Conferência Nacional do PCdoB sobre a Emancipação das Mulheres, a ser realizada de 22 a 24 de maio de 2020, em São Paulo.

Em atendimento a tal deliberação, encaminhamos em anexo o documento base para debates, bem como critérios de eleição de delegados e delegadas e regimento interno.

Como será possível aferir, o documento tem seu foco na crise estrutural do capitalismo e a viragem política no Brasil e seus efeitos sobre as mulheres, intencionando atualizar política, teórica e organizativamente o pensamento e a atuação do PCdoB sobre o tema nesta nova quadra histórica. Destaque especial também para a ampliação e qualificação das comunistas nos espaços de direção partidária e no processo eleitoral, no horizonte de cumprir papel decisivo para o PCdoB ter o melhor desempenho eleitoral possível em 2020 e assim superar a cláusula de desempenho em 2022.

Importa salientar que o documento base ora enviado pode e deve ser emendado, para que, aperfeiçoado, seja apreciado na 3ª CNEM e, por fim, aprovado pelo Comitê Central, integrando as diretrizes partidárias sobre o tema.

Ressalte-se que esta Conferência deve integrar o esforço do coletivo partidário, homens e mulheres, para alçarmos nossa atuação neste campo em novo patamar, a um só tempo bebendo do já acumulado pelo PCdoB mas também ampliando nossa compreensão e inserção nos novos fenômenos sociais protagonizados pelas mulheres.

Saudações,

Luciana Santos

Presidenta do PCdoB

Angela Albino

Secretária Nacional da Mulher do PCdoB